O Galileu possibilita o envio dos boletos em massa para os clientes, onde a instituição consegue emitir todos os boletos de uma só vez. Porém em algumas épocas do ano a maioria das instituições emitem os boletos bancários para seus clientes simultaneamente, e por se tratar de um processo que exige grande processamento, acaba ocasionando lentidão para todos os usuários do sistema, até que o término do processo de emissão de todos os clientes seja finalizado.
CONTINUAR LENDO

Agora o sistema Galileu possui integração com o software URÂNIA, que auxilia na montagem das grades de horários das turmas.

Caso a sua instituição utilize o Sistema Galileu, e também tenha licença do URÂNIA, será possível ter acesso a essa funcionalidade que agiliza bastante o processo de montagem de horários.

Basicamente a integração funciona através de importação de um arquivo gerado pelo Galileu no Urânia, que contém dados como: quantidade de aulas diárias, quantidade de aulas semanais, disponibilidade dos professores, etc. Com esses dados o Urânia monta automaticamente a estrutura e cria a distribuição de aulas automaticamente.

Após a montagem do horário, o Urânia disponibiliza um arquivo para ser importado no Galileu, para que o mesmo insira os horários montados pelo Urânia nas turmas do sistema Galileu.

Para que essa integração funcione, são necessárias algumas configurações e cadastros para que seja possível exportar a estrutura do Galileu para o Urânia. Seguem os passos:
CONTINUAR LENDO

Muitos se perguntam qual a finalidade do regime de caixa para a gestão financeira da sua instituição, até mesmo seu verdadeiro significado. Pois bem, neste post estaremos esclarecendo essas dúvidas e explicando a importância do mesmo.

 

Diferente do D.R.E., o regime de caixa (fluxo de caixa) são registros onde consideramos a data em que realmente entrou e saiu dinheiro do caixa da instituição em um determinado período, ou seja, as despesas e receitas de todas as fontes (dinheiro, cartão, banco, etc).

 

Somente são contabilizados nesse relatório as contas RECEBIDAS e PAGAS, diferente da D.R.E. que contabiliza as receitas e despesas na data de seu vencimento.

 

Assim como o relatório de D.R.E, o relatório de Fluxo de Caixa é de grande importância para a gestão da instituição, pois mostra de forma clara as entradas e saídas realizadas em cada período.

 

Para a geração deste relatório basta acessar o menu FINANCEIRO-> RELATÓRIOS-> RELATÓRIOS DE FLUXO DE CAIXA POR PERÍODO:

galileu

 

Observa-se que gerou duas colunas referente ao mês atual, isso ocorre devido a primeira coluna demonstrar o valor recebido (realizado) até o momento, e a coluna ao lado é pertinente aos valores previstos x realizado até o fechamento do mês, ou seja, o valor projetado até o fechamento do mês atual, da mesma forma se da para os demais meses,que será demonstrada uma previsão dos resultados do demonstrativo.

 

Para instituições que avaliam pedagogicamente seus alunos, o CRITÉRIO DE AVALIAÇÃO centraliza a maioria das regras pedagógicas de APROVAÇÃO e REPROVAÇÃO contidas no sistema. Uma DICA extremamente importe seria sempre UTILIZAR novos CRITÉRIOS DE AVALIAÇÕES para as turmas do próximo ano LETIVO, para assegurar que, caso mude alguma regra da instituição, não seja necessário alterar os critérios de avaliações que já estão sendo utilizados por turmas ENCERRADAS. Tal alteração poderia comprometer as médias/ resultados finais dessas turmas já finalizadas.

CONTINUAR LENDO